REGRAS: RESPEITE A TODOS, É PROIBIDO PALAVRÕES ",PROIBIDO CAPS LOOK,E ABAIXO DO XAT ENSINA COMO MUDAR O NOME,SEM VENDAS DE CS NO ABERTO e SEM EMAILS OU PASSAR SKIPE NO XAT ABERTO..

DISTRITO FEDERAL TERA O PRIMEIRO TESTE DE INTERATIVIDADE DTV EM 4D NO BRASIL - 15/01/2014

DISTRITO FEDERAL TERA O PRIMEIRO TESTE DE INTERATIVIDADE DTV EM 4D NO BRASIL - 15/01/2014




A TV digital será usada por 300 famílias do Distrito Federal beneficiadas pelo Bolsa Família para acessar benefícios e serviços dos governos federal e distrital. Essas famílias farão parte de um teste do Projeto Brasil 4D, coordenado pela EBC, podendo fazer consultas, através da TV, a vagas de emprego e oportunidades de capacitação profissional, ao calendário de vacinação, além de acessar conteúdos e serviços bancários e de aposentadoria.

A expectativa é que em dez anos o projeto alcance as mais de 13 milhões de famílias beneficiárias do programa. O teste será acompanhado pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), que irá fazer uma pesquisa de campo e divulgar um documentário sobre o projeto.

O acesso é feito através da interatividade da TV digital. Os testes começaram em 2013 em João Pessoa, com 100 famílias.

A EBC aponta uma economia de R$ 12 mensais por família em João Pessoa, com despesas com transporte para ter acesso às informações e aos serviços, caso não estivessem disponíveis na TV. Quando o projeto estiver em vigor, a economia pode chegar, em dez anos, a um total de R$ 7 bilhões, estima a EBC.

A intenção é levar o projeto, sobretudo, a famílias de baixa renda que ainda não têm acesso a banda larga. O projeto funciona em parceria com empresas de telefonia, pela tecnologia 3G, usada em telefones móveis.

O Projeto Brasil 4D deve ser testado na cidade de São Paulo entre abril e maio. Os temas oferecidos serão saúde e educação. Os usuários poderão agendar consultas no Sistema Único de Saúde. Participarão do teste 2,5 mil famílias no primeiro semestre e mais 2,5 mil no segundo semestre.

Entre os parceiros no projeto estão o Banco do Brasil, INSS, a Caixa Econômica Federal, o DataSUS, Incra, Totvs, HMATV, Oi, a Telebrás e Governo do Distrito Federal.

0 comentários: