OLÁ CAMBADA AQUI É O EDINHO KKKK ->> REGRAS: RESPEITE A TODOS, É PROIBIDO PALAVRÕES ",PROIBIDO CAPS LOOK,E ABAIXO DO XAT ENSINA COMO MUDAR O NOME,SEM VENDAS DE CS NO ABERTO e SEM EMAILS OU PASSAR SKIPE NO XAT ABERTO..

Amazonas3 em Ação transmição ULTRA HD 4K

LG 4K
Ontem aconteceu no Rio de Janeiro uma mesa de debates para comemorar o início das operações do satélite Amazonas 3, que, entre outros benefícios, permitirá ofertar serviço de internet via satélite para todo o País por meio da banda KA.
O evento, realizado pela Hispasat (grupo espanhol de comunicação de satélites), contou com a participação de executivos da LG, Ericsson, Fox e Mome. Entre os temas debatidos, a distribuição de conteúdos no futuro, o que obviamente envolve os aparelhos com resolução Ultra HD (4K).
A gerente de marketing de Home Entertainment da LG, Fernanda Summa, lembrou que a TV Globo já vem fazendo testes em 4K em novelas e filmes, e que há conversas com a FIFA para que a Copa das Confederações – que ocorrerá no mês de junho – tenha alguns jogos captados em UHD. “Os testes já estão acontecendo, o Netflix filmou House Of Cards em 4K e deverá liberar streaming de conteúdo na resolução em até dois anos”, diz. Fernanda lembrou ainda que o mercado global de televisores UHD deverá saltar de 150 mil unidades em 2013, para 4.7 milhões de unidades em 2016. “Os desenvolvedores de hardware historicamente saem na frente dos produtores de conteúdo. Foi assim com os televisores HD, com os modelos 3D e agora com aparelhos 4K. No entanto, uma indústria puxa outra, o que permite avançarmos cinquenta anos em cinco”, disse lembrando o slogan do governo Juscelino Kubitschek.
quadroO diretor da Ericsson para a América Latina, Al Nuñez, afirmou que no segundo semestre de 2014 as empresas de cabo e satélite deverão oferecer os primeiros receptores domésticos compatíveis com sinais 4K. “A Copa do Mundo será o evento teste para o formato e nas Olímpiadas (2016) com certeza teremos transmissão residencial em massa”, diz. O executivo explicou que novos formatos de compressão, como o HEVC (High Efficiency Video Coding), sucessor do MPEG4/AVC, utilizado nas atuais transmissões digitais de TV, permitirão trafegar as imagens UHD consumindo apenas metade da largura de banda exigida atualmente (veja quadro acima). “Poderemos enviar um sinal UHD com uma taxa aproximada de 12Mbps, o que é ligeiramente superior ao que temos hoje com os sinais HDTV (1080i)”, disse.
Por fim, a Hispasat fez uma demonstração de uma transmissão ao vivo via satélite (H1C) de conteúdo 4K, reproduzido pelo televisor de 84 polegadas da LG. As imagens estavam sendo geradas na Espanha e eram recebidas por computador (conectado à TV) com os codecs necessários para a reprodução. “Transmissão 4K via satélite já é possível, faltam receptores domésticos e mais conteúdo”, resumiu diretor da Hispasat, Sérgio Chaves.

0 comentários: